'Começa a ser mais do mesmo'

23 de Setembro de 2016 às 10:44

Resumo da sessão de esclarecimento da ANAon de 21 de Setembro onde se debateu o ponto de situação do jogo online em especial relativamente ao regulamento da liquidez partilhada.

Começa a ser mais do mesmo mas cada vez de forma mais preocupante, quer no conteúdo quer na forma. Ao fim de 14 meses de blackout ouvir estas sessões começa a ser cada vez mais penoso e não gostei nada do que ouvi.

Quanto ao conteúdo, 3 pontos importantes:

- Regulamento da liquidez partilhada ainda não foi enviado para a C.E. e o feedback que têm é de que ainda está a ser objecto de negociação e análise de contributos (mais de 3 meses depois do prazo indicado como limite).

Mesmo partindo do cenário surrealmente optimista de que será enviado, por exemplo, no final deste mês e dado que terá que ficar em status quo, pelo menos 3 meses, podemos desde já concluir que Poker online em mercado aberto este ano não vai acontecer.

- Mais do que este atraso, “assusta” a ANAon a possibilidade de serem feitas alterações substanciais que afastem o regulamento do modelo inglês. Ainda que não tenham concretizado foi possível perceber que sentem que quanto maior o atraso maior esta possibilidade.

Sentiu-se algum esfumar de optimismo o que não se compreende dado o teor da última reunião (e não só), onde foi avançada a informação de que a liquidez partilhada estava garantida e que o cenário para o Poker seria exactamente como antes da entrada em vigor da lei. E foi-nos garantido com alguma satisfação e com um grau elevado de certeza. Mas agora, infelizmente, não podem garantir o que já haviam garantido.

Chegados aqui é triste que sintam que isto é uma possibilidade real, que não expliquem porquê acham que isto é uma possibilidade e tanto maior quanto mais tempo se passar e que nada esteja, afinal, garantido.

Se no final deste processo não chegarmos a bom porto - e por bom porto leia-se liquidez partilhada para o Poker tal e qual como a era antes da entrada em vigor da lei; então fomos completas marionetas e brinquedo nas mãos dos agentes envolvidos e acho que se tem pensado demais nos interesses do Estado e dos operadores e pouco nos nossos.

- O modelo de taxação está a ser contestado judicialmente pela RGA o que poderá implicar - tal como já tinha tido oportunidade de escrever; consequências negativas sérias e graves para todos os agentes envolvidos no processo.

Ou seja, continuamos no escuro.

Quanto à forma…

A ANAon na pessoa dos seus representantes pareceu-me ter uma visão confusa e impotente da sua qualidade exclusiva de membro consultivo e que nada pode fazer diferente de forma relevante.

Num país onde, infelizmente, muita coisa só começa a funcionar a partir do momento em que existe cobertura mediática, insistir-se que não existe vantagem ou sequer que nem se tente pelo menos, ver se existe interesse na divulgação mediática deste processo - que, pelas vicissitudes e demoras, está a impedir o Estado de cobrar milhões em receitas anuais, aumenta o risco e a quota de mercado de jogo ilegal a cada dia que passa, teve e tem impacto real na vida de centenas de pessoas - parece-me uma visão muito redutora do que pode (deve?) ser feito.

Existe algum conformismo e enfado com estas questões mas parece haver também algum desfasamento e desencontro entre a direcção e alguns (muitos?) membros porque, por exemplo, não se compreende nem parece honesto que se continue a insistir que a bola está do lado dos operadores quando estes, como nós, têm poucas ou nenhumas garantias, têm uma lei vaga e imprecisa como base e estão a lidar com um regulador pouco claro que de garantia em garantia e de prazo em prazo tem falhado na maioria das suas pretensões. E isto sem referir que a única opção que têm actualmente é de operar em mercado fechado.

Dizer também que neste processo “ninguém falhou” parece-me uma posição alienada e argumentos de que a direcção decide melhor do que os sócios porque tem mais informação resolvem-se de forma simples informando os sócios.

Não o podem fazer em sessões públicas? Façam reuniões só para sócios.
Não conseguem filtrar quem são os sócios? Façam-nos pagar quotas.

Mas dizer que não se podem informar os sócios porque não se consegue saber quem é sócio e quem é jornalista, por exemplo, é um argumento frágil como também o é afirmar-se que os sócios deviam de ser “humildes e inteligentes” e confiar na direcção que muitas vezes tem informação através de conversas informais, “quase de café” e não seria ético revelá-la, o que se compreende.

O problema das conversas informais é mesmo esse. Serem informais e não garantirem nada e passado tanto tempo continuarem satisfeitos com conversas informais é preocupante.

A avaliar pela participação nesta e noutras reuniões de membros preocupados, na maioria ou em exclusivo, com o Poker fazem-me concluir que o Poker está representado no jogo online em número muito superior ao que se julgava e merece ser tratado com mais respeito.

Uma associação não é uma empresa cotada em bolsa e os objectivos, métodos e responsabilidades duma e doutra são distintos, fazer-se esta associação para justificar que devemos confiar nas direcções é um exercício ambicioso.

Ou seja, continuamos no lodo...



Comentários (14) Comentários


23 de Setembro de 2016 às 14:11
francispt Autor verificado disse
concordo 100% !

foi uma vergonha a reuniao !


23 de Setembro de 2016 às 15:32
pinealgrind disse
Uma verdadeira vergonha, venham agora dizer que o gordo do Jomané andava a trabalhar para nós hehehe.
Está a chupar o seu bem contente, e a ter da bela conversa informal no seu café de eleição.

23 de Setembro de 2016 às 18:21
Miguel_LisboaPT Autor verificado disse
Obrigado D33p

Espero-te bem, abraço

23 de Setembro de 2016 às 19:22
strisnight Autor verificado disse
Voces simplesmente são uma VERGONHA! Inacreditável

23 de Setembro de 2016 às 21:37
juka10993 Autor verificado disse
D333P existe uma coisa em que não concordo contigo, e por mais que me esforce não consigo. Gostava que te lembrasses de todas as noticias que já viste na comunicação social sobre jogo on-line. tu lembras-te daquela entrevista que fizeram sobre poker on-line nas bahamas? diz-me tu gostas-te de ver o poker retratado assim? Bem eu não gostei, nunca vi uma reportagem sobre jogo on-line em nenhum canal generalista que transmitisse algo positivo sobre a nossa actividade para o publico em geral, desculpa pode ser só ignorancia mas nunca vi. Eu infelizmente não jogo poker à mais de 1 ano mas sei que para alei ser bem feita era só copiar a lei inglesa e estava o assunto resolvido, mas isto funcionava se a cultura portuguesa fosse como a inglesa onde apostas e jogo fazem parte da vida das pessoas e ninguém te julga por isso. Infelizmente Portugal não e assim, tu até podes dizer que ninguém tem nada a ver com a tua vida nem com o que tu fazes com o teu dinheiro e está certo, mas também não nos podemos esquecer que tal como existem associações que defendem o jogo on-line muito provavelmente existe também quem não queira, e mesmo tendo ideias totalmente diferentes de mim e de ti têm tanto direito como eu e como tu em serem ouvidos e respeitados por mais que isso nos custe, e como tal cabe ao SRIJ ouvir todas as partes e legislar da melhor forma para todos, acredito que a melhor forma não é proibir, não é trabalhar em mercado fechado, porque isso seria dar espaço ao jogo ilegal, mas também não acredito que a melhor opção seja a cobertura mediática porque até hoje nunca foi do nosso lado que os principais meios de comunicação estiveram, pelo menos enquanto não nos disserem com todas as letras e de forma clara e oficial que não vamos ter liquidez partilhada. desculpa mas é só a minha opinião nada contra ti antes pelo contrario e obrigado por tudo o que tens feito pela comunidade

23 de Setembro de 2016 às 23:35
Jmpax Autor verificado disse
No meio de tanta treta, parabéns D333P por seres o único no meio disto tudo que posta notícias do real interesse dos portugueses no site.
Mas é impossível, aliás, nem vale a pena lutar contra a vontade do poder em Portugal. Vivemos num país de m3r** e temos que aceitar isso.

24 de Setembro de 2016 às 00:41
fuckyzadas Autor verificado disse
Cozido a portuguesa...(governo&casinos)
Estão a entalar esta merda toda,nos casinos só falta oferecer quartos FDX!!


24 de Setembro de 2016 às 00:43
brunoVJ Autor verificado disse
A inercia desta associação é algo de incrível.


24 de Setembro de 2016 às 00:58
Bruno Pinto disse
Na ideia do D333P,se dependesse de si o que fariamos? Acho que a maior parte dos jogadores se sentem mais representados por pessoas como voce do que por uma associaçao de fachada que nada representa o poker. Se disseram que expor à comunicaçao social nao é bom eu começaria exactamente por aí.

24 de Setembro de 2016 às 05:12
Mais um disse
Já toda gente percebeu que srij , não sabe o que deve fazer , alem de verdadeiros incompetentes , (poderá haver algo mais ) é impossível que sejam assim tao burros como parecem ...sou claramente a favor da comunicação social. É uma forma dos portugueses verem a pouca vergonha das pessoas que lá trabalham e quem sabe serem retiradas e ao mesmo tempo ver se ha algo mais... Em relação a anaom nem merece comentários sequer

24 de Setembro de 2016 às 09:28
HugoSCP06 Autor verificado disse
se quiserem jogar na Ipoker com um rakeback deal de 60% e sem ser preciso documentos para fazer cash out falem cmg que eu explico como: hugoleal_32@hotmail.com

24 de Setembro de 2016 às 16:30
vasco Autor verificado disse
Tanto tempo para o regulador enviar essa merda?! Andam a fazer o quê!!? Quantos trabalham nisso? Quantas horas? Os reguladores são os maiores corruptos, para mamar estao ca eles. Proibem de se jogar antes de criarem leis objetivas e concretas? Devia sim ir para a comunicação social... como mais um serviço do estado que mama a nossa guita. se não o regulador não tem quem faça pressão.

24 de Setembro de 2016 às 21:59
Newil Autor verificado disse
Que imapato acham que teve a troca de governo durante este processo?

24 de Setembro de 2016 às 22:00
Newil Autor verificado disse
*Impacto

Os comentários efectuados por utilizadores não registados terão de ser aprovados por um moderador.
Pode fazer Login ou, se ainda não é membro, Registar-se de forma a poder comentar sem moderação.

Nome

Email
Resolver o enigma: 0 + 7


 

D333P - Gabriel Fonseca

D333P

Gabriel Fonseca

Últimos posts

  • Pokerstars 48 horas depois

    2016-12-01 18:35:00
    Pelo que se viu até agora (e mesmo levando em conta que o regresso provocou uma euforia e que estes...
    Comentários 8


  • D33PLopia com Tacuara

    2015-12-04 16:38:00
    O D33P aproveitou o tema quente do momento para gravar uma conversa com Carlos Tacuara Branco, numa espécie...
    Comentários 7


  • Conferência GamblingCompliance by D333P

    2015-12-02 00:23:00
    Acompanha o D333P neste dia que marca as notícias sobre a regulamentação do jogo online em Portugal....
    Comentários 76


  • GREAT4POKER! O fim da caminhada?

    2015-05-19 15:18:00
    Até agora tenho estado entretido a ler a lei de forma atenta e a ouvir as análises de outras pessoas...
    Comentários 17


  • AMAYA não pára

    2014-11-04 10:06:00
    As recentes mudanças introduzidas pela AMAYA provocaram uma onda de reacções, na maioria, negativas...
    Comentários 15



  • Ver todos...